Coraline, Neil Gaiman

Olá! ʕ•ᴥ•ʔ Este livro que é bem famoso, acho que todos já pelo menos ouviram falar do filme, mesmo assim, foi a primeira vez que peguei para ler.

Informações:
Título:                         Coraline
Gênero:                       Infantil, Infanto-juvenil
Editora:                       Rocco
Ano:                            2003
Páginas:                      159
Autor:                          Neil Gaiman
Sinopse: A jovem Coraline acaba de se mudar para um apartamento num prédio antigo. Seus vizinhos são velhinhos excêntricos e amáveis que não conseguem dizer seu nome do jeito certo, mas encorajam sua curiosidade e seu instinto de exploração. Em uma tarde chuvosa, a menina consegue abrir uma porta que sempre estivera trancada na sala de visitas de casa e descobre um caminho para um misterioso apartamento ‘vazio’ no quarto andar do prédio. Para sua surpresa, o apartamento não tem nada de desabitado, e ela fica cara a cara com duas criaturas que afirmam ser seus “outros” pais. Na verdade, aquele parece ser um “outro” mundo mágico atrás da porta. Lá, há brinquedos incríveis e vizinhos que nunca falam seu nome errado. Porém a menina logo percebe que aquele mundo é tão mortal quanto encantador e que terá de usar toda a sua inteligência para derrotar seus adversários.

Coraline é uma jovem e curiosa garota, filha única, que se muda com seus pais para um apartamento em um prédio antigo. Como adora explorar, Coraline logo percebe a existência de um cômodo sempre trancado em seu apartamento, e a chave parece não estar em lugar algum.
A nova vizinhança é agradável, mas deixa a desejar sobre as expectativas de Coraline. Em um dia chuvoso, a garota se sente entediada e começa a percorrer todos os cantos da casa. Misteriosamente, consegue abrir a porta sempre trancada e encontra, do outro lado, um apartamento idêntico ao seu.
Tudo, na verdade, naquele lugar é idêntico ao mudo de Coraline, porém estranhamente melhor. Há uma versão melhorada de seus vizinhos, que são muito mais interessantes, seus pais que fazem tudo que ela quer e um gato que, neste mundo, pode falar com ela.
Coraline fica excitada com o novo mundo, onde a possibilidade de brincadeiras é infinita e nada nunca está tedioso, mas, após permanecer um tempo com seus outros pais, ela percebe que está em grande perigo e precisará usar de sua esperteza como nunca.
Apesar de ser uma estória bem famosa, é a primeira vez que entro em contato com a mesma. Não me lembro de já ter lido alguma resenha sobre este livro, então não sabia ao certo o que esperar. A estória não me prendeu muito no começo mas o enredo com universo paralelo acabou me envolvendo, mesmo que eu não seja muito fã de fantasia.
É uma estória infantil, contada de um jeito bem simples em terceira pessoa, sem uma escrita rebuscada nem descrições exageradas. Por isso, dá para se ler rapidamente em poucas horas.
Há muito mistério sobre como aquele universo foi criado e porquê, e isto envolve muito. As cenas de aventura são bem detalhadas, prendendo nossos olhos.
O desfecho não foi tão satisfatório para mim, pois faltou explicar algumas coisas (por isso não consigo ler muito fantasia, meu lado racional não deixa haha) mas, como sendo uma obra fantasiosa, fica ao critério de nossa imaginação. De qualquer forma, a leitura é um ótimo entretenimento.
O que mais me agradou mesmo em Coraline foi a quantidade de lições e reflexões, que estão dentro da estória, sobre coragem.
Muita gente diz que o livro é assustador, mas eu não achei. Há bastante suspense sim, trata-se de algo bem obscuro, mas normal; como toda obra que possui um vilão.

Avaliação:
★ ★ ★ ★ ★

Este livro deu origem ao filme Coraline e o Mundo Secreto. Mais uma vez, apesar de ser tão famoso, nunca assisti. No entanto, como gostei do livro, pretendo vê-lo em breve.
Sinopse do filme: Coraline (Dakota Fanning) é uma menina triste em sua nova casa, sempre aborrecida por causa dos vizinhos estranhos que a rodeiam. Um dia, então, descobre que atrás de uma parede de seu quarto há uma porta secreta para um outro mundo, com uma outra mãe e um outro pai - e numa versão muito melhor de sua vida. Coraline terá agora de decidir se deseja permanecer para sempre nesse lugar mágico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário