Halo - Halo # 01

Olá! Hoje venho com mais uma resenha. Dessa vez, mais uma leitura na linha de romance jovem sobrenatural, que ganhou o mercado literário por bastante tempo.

Informações:
Título:                        Halo - Halo # 01
Editora:                     Agir
Ano:                           2010
Páginas:                     472
Autora:                      Alexandra Adornetto
Sinopse: Três anjos são enviados à Terra com planos de se misturarem aos humanos para assegurar a paz e trazer a bondade: Gabriel, o Herói de Deus, um antigo guerreiro que se disfarça de professor de música; Ivy, serafim abençoada com poderes de cura; e Bethany, a mais nova e inexperiente do grupo, enviada como uma jovem estudante para aprender sobre a humanidade. Após Bethany se encantar com a vida humana, ela começa a viver todas as experiências de uma adolescente normal, até se apaixonar por um rapaz e colocar toda a missão em risco. As forças do mal se aproveitarão dessa situação para pôr seus planos malignos em prática. Um romance de tirar o fôlego, que responderá a pergunta: será que o amor é forte o suficiente para vencer as forças do mal?

Antes de comprar este livro, dei uma olhada em várias resenhas no Skoob e desanimei bastante, sempre lia muitas críticas negativas. No entanto, decidi comprá-lo assim mesmo, tinha achado o enredo bem interessante. De modo geral, não me arrependi de minha escolha, pois acho o enredo deste livro bom. O problema são os personagens.
"Ás vezes é melhor parar de tentar entender o sentido das coisas. A vida não é totalmente nítida (...) "
Na estória, três anjos, Gabriel, Ivy e Bethany, foram enviados á terra para fazer boas ações e ajudar as pessoas, fazendo-a acreditarem novamente no bem. A principal, Bethany, é um anjo ainda inexperiente, esta é sua primeira vinda na terra e ela ainda não conhece muito, e também não possui ainda um dom. Gabriel, é bem sério, e a lembra o tempo todo o por que de eles estarem ali, quando ela acaba se distraindo com coisas terrestres. Ivy, por sua vez, é bem flexível e apoia Bethany.
"O futuro não é para ser temido, mas, sim, enfrentado."
Ao decorrer do livro, Bethany conhece e apaixona-se por Xavier, quando é mandada á escola para fazer pequenas ações por lá. Logo, Gabriel se mostra contra este relacionamento. Engana-se então, quem pensa que o livro gira em torno somente do amor proibido de Bethany e Xavier, pois o perigo é outro.
Então, o livro surpreende nesse ponto, quem acha que a estória é toda sobre o amor proibido dos dois - um anjo e um humano -. Conhecemos, ao desenrolar do livro, o verdadeiro vilão da estória e que exigirá muita força dos anjos e colocará á prova até mesmo o amor de Bethany e Xavier.
"Todo mundo passa pela experiência de ser derrotado, mais cedo ou mais tarde. Mas a gente aprende com a derrota." 
Agora, falando sobre os personagens, confesso que foram a causa de eu ter tirado duas estrelas do livro. Muitas vezes, durante a leitura, cheguei a parar devido ás atitudes de Bethany, que é muito irritante e teimosa, querendo provar que é madura e responsável como os outros, mas faz ações que provam o contrário. Me irritei com Gabriel um pouco por ser sempre frio e duro, não aproveitando nada do dia a dia deles na terra e sendo sempre sério. E Xavier, é bem chato por ser tão protetor com Bethany.
"Muitas vezes não há como exprimir seus pensamentos e sentimentos mais importantes, e eles acabam não sendo ditos."
Fora isso, o livro é bom, não ótimo. O enredo deixa o leitor curioso com os próximos acontecimentos, o que é um ponto muito positivo. Para finalizar, digo que este livro possui pontos negativos e positivos, e que o leitor deve estar ciente de que pode gostar ou não do livro. Assim, digo que você deve lê-lo sem altas expectativas, porque se decepcionar ou não com Halo é uma questão de gosto, talvez.
"Lide com o que você é capaz de lidar."
Este é o primeiro volume de uma trilogia, que é composta por Halo, Hades e Heaven. Ainda não li os dois volumes seguintes e espero que melhorem rs

Avaliação:
★ ★ ★ ☆ ☆