Shiki

Olá, pessoal! Tudo bem com vocês? ( ' ε ' )♡ Hoje venho contar minha opinião sobre este anime, que traz uma temática mais puxada para o terror.

Informações:
Nome:           Shiki/ Corpse Demon/ 屍鬼
Gêneros:      Mistério, Ação, Thriller, Horror
Ano:             2010
Episódios:    22
Sinopse: Sotoba é uma pequena vila isolada que tem aproximadamente 1300 habitantes. Os moradores de Sotoba viviam em paz com suas próprias culturas até que um dia começam a acontecer frequentemente casos misteriosos que criam pilhas de cadáveres, sem explicação de como faleceram. Shiki significa uma mistura de cadáver e demônio, e dentro da história se refere a um tipo de morto-vivo. Shiki é um anime de terror bem diferente dos quais a gente vê por ai, com uma trilha sonora melancólica arrepiante, personagens únicos, e que com o desenvolver da história você acaba se envolvendo de uma maneira surpreendente.

Os moradores de Sotoba, uma aldeia pequena e isolada, viviam uma vida pacata e tranquila, até que uma estranha enfermidade se abateu sobre as pessoas. Pessoas de todas as idades e condições adoeciam do nada e não havia nenhuma cura, todos morriam.
Toshio, um médico, passa a investigar o caso, suspeitando se tratar de uma epidemia estranha. Tudo fica ainda mais sinistro quando os túmulos são revirados e os corpos somem, e alguns dos mortos voltam à vida.
 Esta é mais uma estória com vampiros, algo bem saturado ultimamente, mas que me prendeu desde o começo. Mesmo sabendo sobre o que se tratava, há todo um mistério sobre o que estava causando as mortes e porquê.
Toshio é o personagem principal, que me agradou muito por não ter medo de fazer qualquer coisa para descobrir a causa das mortes, mas há outros personagens de grande destaque. Entre eles, Natsuno, um jovem estudante, Seishin, um monge escritor, e Megumi, uma jovem apaixonada por Natsuno.
 O que mais gostei é que cada personagem é bem explorado, mostrando bem sua personalidade, medos, segredos.
Gostei muito de alguns, mas outros são terrivelmente irritantes. Megumi e Masao, outro jovem e amigo de Natsuno, são dois personagens muito chatos mesmo.  Há ainda um shounen-ai bem fofinho, com Natsuno e um amigo.
 Por ser um anime do gênero terror, há muitas cenas feias e sangue, então se este não é seu estilo, melhor nem arriscar. As mortes são frequentes e sempre mostradas, e foi engraçado e esquisito no final, quando todos os moradores pareciam ter ficado loucos.
O lado sobrenatural foi bem aproveitado, com o autor do anime criando novas lendas e características para os vampiros. Além destas criaturas, há ainda lobisomens. Sempre me pergunto porquê as duas sempre aparecem juntas.
 
 Este sobrenatural permitiu muitas cenas de ação e aventura, lutas e banho de sangue. Isso foi muito empolgante e achei que a estória ficou bem balanceada, com mistério, terror e ação na medida certa. Desta forma, os episódios não são entediantes ou demoram a passar.

O final é frustrante! Pelo menos não agradou a mim, pois aquela "praga" não acaba por completo, a estória dá a entender que ela irá se instalar em uma outra aldeia isolada, para continuar tudo. E uma personagem bem chatinha não tem o final que eu penso que merecia.
De forma geral, foi um bom anime, com muito terror, suspense, ação e até mesmo um romance. A estória é instigante e não fica cansativo nem repetitivo hora alguma. Não foi o melhor que eu vi, mas recomendo.

Avaliação:
★ ★ ★ ☆ ☆