[IDY] Como Eu Era Antes De Você, Jojo Moyes

Olá, leitores! ㅇㅅㅇ Hoje venho com a resenha deste livro que sempre vemos alguém elogiar. Escolhi-o como o primeiro para o projeto I Dare You (saiba mais aqui), na categoria "ganhou de um amigo". Estava louca para conferir mais uma obra desta autora.

Informações:
Título:                       Como Eu Era Antes De Você
Gênero:                     Romance
Editora:                    Intrínseca
Ano:                          2013
Páginas:                    320
Autora:                     Jojo Moyes 
Sinopse: Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Sua vidinha ainda inclui o trabalho como garçonete num café de sua pequena cidade - um emprego que não paga muito, mas ajuda com as despesas - e o namoro com Patrick, um triatleta que não parece muito interessado nela. Não que ela se importe. Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor tem 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de ter sido atropelado por uma moto, o antes ativo e esportivo Will agora desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Sua vida parece sem sentido e dolorosa demais para ser levada adiante. Obstinado, ele planeja com cuidado uma forma de acabar com esse sofrimento. Só não esperava que Lou aparecesse e se empenhasse tanto para convencê-lo do contrário. Uma comovente história sobre amor e família, Como eu era antes de você mostra, acima de tudo, a coragem e o esforço necessários para retomar a vida quando tudo parece acabado.

Louisa Clark é uma jovem de vinte e seis anos, que ainda mora com a família em uma casa agitada, e trabalha em um café ali perto. Ela tem este trabalho há seis anos, nenhuma ambição ou sonho, um namoro de sete com Patrick, um maratonista que mudou de interesses ao longo dos anos e está se afastando cada vez mais. 
Louisa se encontra abalada, com o mundo que sempre conheceu ruindo, quando o café onde ela sempre trabalhou fecha e sua família precisa mais que nunca de sua ajuda financeira. Procurando algo em que ela pudesse se encaixar, Lou se depara com a vaga para ser cuidadora de um tetraplégico, por seis meses.
O salário é ótimo, mais que ela sempre sonhou ganhar, e mesmo não tendo experiência alguma com a profissão, ela decide fazer a entrevista e, surpreendentemente, consegue o emprego mesmo com tantas outras pessoas melhor qualificadas. 
Quem receberá os cuidados de Lou é Will Traynor. Ele tem trinta e cinco anos e é tetraplégico há dois. Antes ele tinha uma vida agitada, com um trabalho que gostava e sempre crescia mais, fazia viagens, aventuras radicais, namorava muito mas, desde que uma moto o atingiu, só pode mexer um pouco das mãos.
Desde o acidente, ele tem se recluído em seu próprio mundo, recusando qualquer esperança de recuperação ou a conviver com sua situação. Para ele, sua vida acabou naquele dia, dois anos atrás, e nada pode mudar isso.
"Mas, certamente, se você ama alguém, é sua função ficar com ele? Para ajudar na depressão? Na doença e na saúde e tal?" 
Quando se conhecem, Lou e Will não se tornam amigos imediatamente. Ele está amargurado e não permite que qualquer pessoa se aproxime. Ela, esta determinada a fazer da relação dos dois algo agradável, já que ficarão tanto tempo juntos, com seu jeito tagarela. Os dois não imaginam, mas aprenderão muito um com o outro.
Fazia tempos que queria ler este livro, tão amado por tantas pessoas. Eu já havia lido outros livros da autora *resenhas aqui* e amado, e lia tantas resenhas positivas sobre este que comecei a leitura com altas expectativas.
De fato, não demorou muito para Como Eu Era Antes De Você me conquistar. A narrativa em primeira pessoa, diferente de outras obras que li da Jojo, logo me envolveu, e me vi cada vez mais curiosa sobre a estória.
O tema é delicado. Acho que não li muitas estórias com personagens deficientes, e a autora conseguiu passar muitas informações sobre como é o dia-a-dia de uma pessoa tetraplégica, as dificuldades e barreiras que elas têm de enfrentar todos os dias, tanto mental quanto fisicamente. Mostra bem o preconceito, a pena, e como é difícil superar tudo isso, além do fato de ninguém querer realmente saber como esta pessoa se sente. Mesmo assim, não é uma leitura melancólica o tempo inteiro; a autora conseguiu abordar este tema com certa leveza, adicionando momentos divertidos.
"—É que...não aguento pensar que você vai ficar aqui pelo resto da vida. — Ele engoliu em seco. — Você é muito inteligente. Muito interessante. — Ele desviou os olhos de mim. — Você só vive uma vez. É sua obrigação aproveitar a vida da melhor forma possível."
O romance demora um pouco para acontecer realmente, mas não achei o livro lento; penso que serviu para que ficasse algo bem real, sem pressa. As cenas de Lou e Will são muito adoráveis, cheias de diálogos ácidos e aventuras que ás vezes não dão muito certo.
Lou não tem muitos atrativos, é uma pessoa que se acomoda muito com tudo, mas aos poucos ela vai amadurecendo e conquistando o leitor. É impressionante sua força de vontade, e como ela tenta sempre fazer o melhor para Will, mesmo que acabe se atrapalhando. Uma coisa que me incomodou bastante foi a família dela. Achei que, no começo, eles exploravam-na demais, e ela era muito boba por isso. Will também me cativou muito, mas acabei não gostando tanto dele depois que o livro terminou.
Este livro é narrado por Lou, mas há alguns capítulos onde outros personagens ganham voz, como os pais de Will, a irmã de Lou e Nathan, o outro cuidador de Will. Me pergunto porquê a autora não colocou uma passagem sob a perspectiva de Will, já que seria tão bom saber o que se passa na cabeça dele, por ele mesmo. 
Muita gente vivia comentando que chorou litros com este livro, e pensei que seria como nos outros, onde emocionava demais mas, mesmo assim, tudo acabava bem no final. Não posso não alertar vocês: o final não é feliz. Me desagradou muito mesmo a forma como acabou, achei muito egoísmo do Will e não sei se entendi bem a mensagem da autora. Não falarei mais pois não quero passar tanto spoiler, mas acho que não é certo começar a leitura pensando que será outro romance lindo e feliz, de superação, e terminar tão revoltada HAHA
"—Sabe de uma coisa? Eu podia passar a noite toda olhando para ele. Para o brilho no canto dos seus olhos. Para o lugar onde o pescoço encontrava o ombro. —O quê? —Ás vezes, Clark, você é a única coisa que me dá vontade de levantar da cama."
Mesmo assim, gostei muito mesmo deste livro, e achei que valeu a pena por uma das  mensagens que passou; você deve aproveitar a vida, fazer coisas que gosta e coisas diferentes, antes que não possa mais. Ainda fico revoltada demais com a forma como acabou, mas recomendo mesmo assim, pois é uma estória muito bem construída.

Avaliação:
★ ★ ★ ★ ☆

capa oficial brasileira e cena divulgada da gravação
Em breve, 15 de Fevereiro, será lançado a continuação, Depois de Você. Ainda estou revoltada com o final, então não sei quando lerei, mas já coloquei nos desejados HAHA Confira a sinopse e aqui e leia um trecho (atenção, spoilers!) aqui. A adaptação cinematográfica de Como Eu Era Antes de Você está sendo produzida, com algumas imagens já divulgadas (veja aqui). Ainda não temos data certa para o lançamento do filme, porém parece que sairá ainda neste ano. Pelas imagens, acredito que ficará bem fiel ao livro, pelo menos nas cenas que vi, e gostei dos atores.

#Livros #IDY

Nenhum comentário:

Postar um comentário