Garota Infernal, Diablo Cody e Nica Xita

Olá, leitores! (≧◡≦) Hoje venho com mais uma resenha, deste livro baseado no roteiro do filme de mesmo nome e que gostei muito, até fiquei com vontade de assistir novamente!

Informações:
Título:                        Garota Infernal
Subtítulo:                   Jennifer's Body
Gênero:                      Suspense e Mistério, Sobrenatural
Editora:                     Galera
Ano:                           2009
Páginas:                     192
Autores:                     Diablo Cody e Nica Xita

Sinopse: Livro de Audrey Nixon, baseado no roteiro de Diablo Cody, a ganhadora do Oscar de melhor roteiro original pelo filme "Juno". O livro conta a história de Jennifer, uma popular líder de torcida que, após um ritual, é possuída por entidades demoníacas e passa a assassinar os garotos da cidade e se alimentar de seus corpos. Cabe à melhor amiga de Jennifer impedir seus ataques e ir atrás da banda de rock responsável por iniciar a transformação de Jennifer.

Needy é uma estudante de ensino médio, nerd e comum, com uma grande melhor amiga, Jennifer. Ela sim é a grande estrela; bonita, líder de torcida, popular, extrovertida. As duas se conhecem desde a infância e, mesmo sempre competindo e se provocando, têm uma forte ligação.
Needy conta, de forma leve, tudo o que aconteceu que fez com que ela ficasse como está agora. No que Jennifer se transformou desde que uma banda indie rock, Low Shoulder, chegou à pequena cidade e mudou a vida de todos ali, completamente.
Eu não era assim maluca, juro. Nunca machucaria ninguém. Eu costumava ser normal...Bem, tão normal quanto qualquer garota sob a influência dos hormônios da adolescência. 
Eu gosto muito do filme Garota Infernal então estava curiosíssima sobre este livro, que é baseado no roteiro do mesmo. Li rapidamente, em quase um dia, de tão envolvente que é a narrativa. Mesmo eu sabendo de tudo do começo ao fim, não achei entediante em nenhum momento.
Quem conta a estória é Needy e adorei a narrativa! É totalmente leve e descontraída em grande parte, como se tudo não fosse grande coisa mesmo, o que pode parecer estranho para quem espera uma obra mais forte e cheia de tensão, mas achei que deu um charme a mais. A linguagem é bem teen, devido ao ambiente em que se passa, e bem simples de acompanhar.
Mas, quando você a única pessoa sã, talvez seja a louca.
Mesmo sendo narrado por outra personagem, dá para conhecer cada um ali muito bem. Destaque, principalmente, para Needy e Jennifer. As duas têm uma relação legal, cheia de competições e gostei muito de cada uma, com personalidades muito contrastantes. Há ainda Chip, namorado de Needy, que possui muita participação também e que, admito, fiquei com bastante pena.
Algumas vezes, porém, mudar pode ser algo bom. Pode ensinar algo novo sobre você mesmo.
Garota Infernal foi uma leitura que fluiu bem e me agradou muito. Há muitas cenas de tensão perto do final, mas ainda mantendo o clima leve, e há algumas ligeiras diferenças com o filme mas gostei de ambos.

Avaliação:
★ ★ ★ ★ ★

Nenhum comentário:

Postar um comentário