Hana Yori Dango

Oii, pessoal!! /(≧ X ≦)\ No post de hoje vou comentar sobre esse anime que vi há muuuito tempo mesmo, mas que só agora resolvi resenhar.

Informações:
Nome:          Hana Yori Dango/ Boys Over Flowers
Gêneros:      Drama , Romance , Shoujo , Vida Escolar
Ano:             1996
Episódios:    51
Sinopse: Makino Tsukushi, personagem principal, é uma garota de uma família pobre que, apesar das dificuldades financeiras, conseguiu ser admitida em uma escola de pessoas extremamente ricas. Para que ela possa estudar, sua família passa, com orgulho, por muitas privações, na esperança de que a filha consiga conquistar um herdeiro milionário. Nessa escola, Eitoku Gakuen, os alunos esbanjam suas vantagens financeira, porém, os que mais se destacam são um famoso grupo de quatro rapazes chamado de Flower Four, os F4 (flores no sentido de preciosos), que são os herdeiros das mais poderosas famílias do Japão. Pelo poder financeiro dos seus nomes, eles ditam as regras na escola, passando por cima até mesmo dos professores e diretores. A palavra TSUKUSHI, nome da protagonista, significa erva-daninha. Basicamente é o que a personagem é considerada pelo F4 e o restante da Eitoku Gakuen. No decorrer da história, ela decide agir como o seu nome…

Hana Yori Dango é aquele clichê bem famoso: o garoto rico se apaixona pela garota pobre / e orgulhosa / que por um acaso está estudando em uma escola apenas para alunos filhos de famosos, políticos, apenas a classe A.
Só que ao invés de declarar-se para ela (como deveria ser tais tipos de romance clichê), Domyoji apenas gosta de fazer bullying com ela, a fazendo passar por diversas situações embaraçosas. Tanto é que Makino começa a odiá-lo e desenvolver interesse por Rui, amigo de Domyouji e também membro do F4.
Mesmo considerando a idade do anime, ainda não pude deixar de achá-lo extremamente feio!! Ugh.. Sem contar o quão chatos todos os personagens eram (salvando apenas Rui, que era uma graça e nunca me fez mudar de opinião), principalmente a protagonista, Makino.
Como uma menina pode ser tão chata, orgulhosa e irritante como Makino? Uma das piores personagens femininas  que tive o desprazer de conhecer, para minha tristeza.
E Domyouji não fica tão atrás no quesito chatice. Até entendo que ele é o típico garoto rico que tem tudo o que quer e de repente uma garota por quem Domyouji se interessa, uma mariazinha ninguém ainda por cima pobre, o odeia? Claro que ele vai fazer o possível para chamar sua atenção. Mas não gostei dos “meios” que ele usou, chegando até a ser violento.
É um anime realmente chato, muito mimimi e pouco material para 51 episódios. Não sei nem de onde tirei motivação para terminar isso tudo!!!  Sem contar que nem mesmo o romance é animador! Makino passa praticamente todo o anime fugindo de Domyouji, tentando se safar das armadilhas e atos violentos ou ridículos dele, pra depois, quando finalmente entender como ele é, e finalmente começar a gostar dele, não ter a motivação para lutar por esse romance. Por ser de uma família rica, supõe-se que Domyouji deva casar com uma moça rica também, então sua família começa a intervir no relacionamento. Anime meh. Enredo meh. Finalzinho hm.. meh.


Avaliação:
★ ☆ ☆ ☆ ☆