Defense Devil

Oláa, boa tarde! (ల˙◡˙ల) Depois de quase dois anos tentando, finalmente terminei o mangá Defense Devil. O número de volumes (10), sempre me intimidou bastante e, apesar de gostar bastante da leitura, toda vez que eu parava de ler a série, para ler outra coisa, era difícil de voltar.
Eu meio que me dispersava da estória e isso atrapalhava bastante em concluí-la. Dessa vez, porém, decidi pegar firme e ler um volume atrás do outro nesse restinho de férias. Yass!

Informações:
Título:           Defense Devil
Editora:        Panini Comics
Ano:              2009 - 2011
Gênero:         Ação, Comédia, Ecchi, Fantasia, Demônios, Sobrenatural, Seinen
Autores:        Yoon In Wan e Yang Kyung Il
Volumes:       10
Sinopse: Desprezado pelos demais demônios por conta de sua personalidade gentil, Kucabara é expulso do Makai e privado de seus poderes, condenado a vagar em Event Horizon (a entrada do Inferno) apenas acompanhado de seu subordinado Bchuler. De maneira a reaver sua força e reencontrar sua família, nosso principal precisa coletar Dark Matter, uma fonte de poder maligno encontrada nas almas de pecadores. Não se tratando do único interessado em Dark Matter, Kucabara precisa conquistar a confiança das almas que surgem em Event Horizon antes que os deuses da morte as levem ao Inferno, o modo tradicional que demônios se favorecem com os pecados humanos.

Mephisto Bart Kucabara é o príncipe do mundo dos demônios, sendo antes o mais forte de todos. Entretanto, por causa de sua natureza possuir um bom coração, ele foi expulso de lá, por se recusar a fazer o que se esperava dele, e perdeu seus poderes.
Agora ele vive no mundo humanos com seu servo, Bichura, vivendo de um trabalho inusitado: ele é um advogado, que ajuda às almas desconhecidas, aquelas que não vão direto para o céu, a obterem provas de que não são pecadoras. Seu objetivo é ajudar essas pessoas e coletar dark matter, a fonte do poder demoníaco para se tornar forte novamente.
 Mais à frente entra em cena Idamaria, uma freira exorcista com um grande ódio por demônios, por causa daqueles que mataram seus pais quando ela era criança. Ela é muito poderosa e desconhece sua própria força.
Gosto muito de estórias assim, com várias aventuras, e me diverti muito nos primeiros volumes, onde Kucabara passa por várias situações para provar a inocência daqueles com quem faz o contrato. Com o passar da estória, o enredo caminha para algo mais sério, quando descobrimos mais sobre o passado de Kucabara e o que estará por vir.
Mesmo adorando as aventuras do personagem como advogado, fui cativada por essa parte mais séria e ficava cada vez mais interessada em como tudo iria se resolver. As aventuras continuaram, sempre com muitas lutas e perigos, além de um toque de humor e fanservice.
Shugarl, meu personagem favorito ≧◠◡◠≦
Os últimos capítulos foram impressionantes e trouxeram ótimas reviravoltas, onde o vilão não é o vilão, afinal, e outros personagens que revelaram sua verdadeira natureza. Bem legal mesmo, e Defense Devil foi fechado de uma forma bem satisfatória.
A única coisa que achei que deveria ter sido melhor foi toda a coisa com Idamaria, que prometia algo grandioso e, no fim, acabou sendo bastante ofuscada por outras coisas. Mesmo assim, uma boa leitura e me arrependo de não ter terminado mais cedo, pois realmente me diverti muito.

Avaliação:
★ ★ ★ ★ ☆
Esse mangá foi lançado pela Panini Comics, no Brazil, em 2014. Veja os títulos aqui.